quinta-feira, 13 de junho de 2013

Bicicletas estacionadas nas calçadas de Pontal. Claudio Oliveira/EPTV
Na cidade de Pontal/SP, existe aproximadamente uma bicicleta para cada dois habitantes. O que poderia ser uma ótima solução para o transporte local, transformou-se em uma grande complicação pela falta de planejamento urbano. Para tentar diminuir os acidentes de trânsito causados pelos ciclistas que não respeitavam a sinalização e nem mesmo as calçadas, a Prefeitura criou em 2011 uma lei que obrigava o emplacamento das bicicletas. Aproximadamente seis mil foram registradas e aquelas que não se adequaram à lei ficaram sujeitas à apreensão. Foram tantas que a fiscalização foi interrompida por falta de espaço para armazenamento dos veículos irregulares. O que deveria ser resolvido com um plano municipal de transporte cicloviário tornou-se uma questão burocrática que, infelizmente, não vai resolver o problema da segurança no trânsito e muito menos, o da mobilidade urbana.


Para saber mais:


Matéria do G1
http://migre.me/eyx50